23 de Janeiro de 2018 | SOBRE ESTE BLOG
Quinta-Feira, 11 de Janeiro de 2018, 14h:40
Tamanho do texto A- A+

Cidade / NOVA DENÚNCIA DO MPE

Acusada de planejar morte de prefeito, médica é "falsa pediatra"

Em depoimento, confirmou a falsidade do documento e que não possui especialidade. Ela atendia no Hospital André Maggi
LAICE SOUZA
DA REDAÇÃO

 

O Ministério Público Estadual propôs uma nova denúncia contra a médica Yana Fois Coelho Alvarenga. Ela, que está presa sob a acusação de participação no planejamento da morte do prefeito de Colniza Esvandir Antonio Mendes, agora deverá responder por uso de documento falso e falsidade ideológica.

Ela apresentou documento falso para ser contratada no município. Yana Alvarenga atendia como pediatra e entregou um certificado de residência médica na especialidade, como se tivesse feito na Universidade de São Paulo. Os investigadores entraram em contato com a USP e foram informados da ilegalidade do diploma.

certificado yana
yona usp

 

Em depoimento as autoridades policiais, ela confirmou a falsidade do documento e que não possui título em pediatria. Ela atendia no Hospital Municipal André Maggi de Colniza.


Prisão

A médica foi presa no dia 26 de dezembro, de 2017, sob a acusação de participar do planejamento da morte do prefeito de Colniza. O marido de Yana, o empresário Antonio Pereira Rodrigues, é apontado como o mandante do homicídio. Além dos dois, outras duas pessoas também foram presas, suspeitas de participação no assassinato.

O prefeito foi morto no dia 15 de dezembro, quando retornava da zona rural do município. Ele recebeu disparos de arma de fogo e ainda conseguiu fugir do local, até chegar na zona urbana do município, mas não resistiu aos ferimentos.


Além do prefeito, o secretário de Finanças do município, Admilson Ferreira dos Santos, também foi alvejado. Ele resistiu aos ferimentos e se recupera.

 

(0) Comentário(s)

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

enviar comentário
Confira Também

caldeirão político

Governo vai lançar concurso público para o setor de segurança

Pela agricultura - Maggi quer Novacki como ministro

Jajah vai ter de explicar áudio a Comissão de Ética da AL

Prefeito sanciona lei que a cria 13º e a RGA para os vereadores

VEJA MAIS

Vídeo comentário

Cristiane Brasil continuará na fila esperando decisão da Justiça

VEJA MAIS

ARTIGOS

Mais um...

Por: ROSANA DE BARROS

O Brasil nunca foi capitalista!

Por: PAULO LEMOS

Doce ilusão! Será?

Por: LOUREMBERGUE ALVES
VEJA MAIS

mais lidas

  1. Blairo diz que nome para disputar governo sairá de consenso e "jogo está aberto"
  2. Polícia prende mulher por mandar matar padrasto em Várzea Grande
  3. Governador nega traição de Fávaro: "juntos para melhorar Mato Grosso"
  4. Governo vai lançar concurso público para o setor de segurança
  5. Para tributarista, Pedro Taques cometeu crime de responsabilidade

ENQUETE

Se as eleições fossem hoje e Pedro Taques fosse candidato à reeleição, você votaria nele?
PARCIAL