13 de Dezembro DE 2017 | SOBRE ESTE BLOG
Quinta-Feira, 07 de Dezembro de 2017, 08h:24
Tamanho do texto A- A+

Esportes / FEMINISTAS DO GALO

Torcedoras do Atlético-MG são ameaçadas após cobrarem posicionamento contra Robinho

Grupo de atleticanas é atacado após questionar postura do clube em relação à polêmica envolvendo o atacante
Leonardo Augusto
DO ESTADÃO

 

Torcedoras do Atlético-MG que colocaram faixas em frente à sede social do clube, cobrando um posicionamento oficial da diretoria sobre a condenação do atacante Robinho (punido na Itália por violência sexual), afirmam terem sido ameaçadas.

 

A torcida responsável pelas faixas, a Feministas do Galo, em meio à polêmica, recebeu o apoio de outra torcida organizada do time, a Grupa, também formada por mulheres.

 

A decisão da justiça italiana, que condenou o atacante em nove anos de prisão em primeira instância, é de novembro. Segundo uma torcedora, que preferiu não se identificar, “não houve ameaça direta às pessoas envolvidas, já que não nos identificamos justamente para evitar essas situações. Grupos que nos apoiaram sofreram ameaças de violência física e de processos, o que não tem fundamento, já que existe uma condenação judicial. Estamos lutando para que o clube tenha uma postura responsável”, diz a atleticana.

 

As faixas foram colocadas na noite de segunda-feira em frente à sede social do Atlético no bairro de Lourdes. Uma dizia “Galo, seu silêncio é violento! Não aceitaremos estupradores”. A outra afirmava: “Um condenado por estupro jogando no Galo é uma violência contra todas as mulheres”. A assessoria do Atlético afirmou que o clube não vai se posicionar por se tratar de assunto de ordem pessoal do jogador.

 

A integrante da Feministas do Galo afirmou que o grupo é contra o posicionamento do clube no episódio, que considera “esta uma questão de cunho pessoal”. “Considerando que, em quase todas as reportagens sobre o caso, o nome do time, seu escudo e suas cores são apresentados, não se trata de uma questão meramente pessoal do atleta”, disse.

 

A reportagem entrou em contato com a advogada de Robinho, Marisa Alija, mas ela não retornou o contato.

(0) Comentário(s)

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

enviar comentário
Confira Também

caldeirão político

Ibope aponta aprovação de 80% da prefeita Lucimar Campos

Por 16 votos, Câmara de Cuiabá aprova recriação da SEC 300

Governador é diagnosticado com pneumonia pela quarta vez

Dilma visita Cristina Kirchner após Justiça pedir prisão dela

VEJA MAIS

Vídeo comentário

Vereadores se colocam como servidores públicos: não são!

VEJA MAIS

ARTIGOS

Este país é uma piada

Por: RENATO NERY

Viciados em telas azuis

Por: MARIA AUGUSTA RIBEIRO

Brutalidade criminal

Por: PERCIVAL PUGGINA
VEJA MAIS

mais lidas

  1. Avião que desapareceu no sábado na região de Juruena é localizado
  2. FAB confirma que avião é o que desapareceu e ocupantes estão mortos
  3. Tucanos preocupados com rejeição de Pedro Taques
  4. Mauro Mendes descarta Senado e só será candidato se for ao governo
  5. Depois da fraude na SEDUC e da ata para o Senado, Pedro Taques é acusado de fraudar entrevista

ENQUETE

Se as eleições fossem hoje e Pedro Taques fosse candidato à reeleição, você votaria nele?
PARCIAL