Segunda-Feira, 16 de Outubro de 2017, 11h30
MENTIRA AO SUPREMO
Paulo Taques mente ao STF ao dizer que Mauro Zaque foi candidato a prefeito em 2016 no interior de MT

Antero Paes de Barros

 

 

Na petição de Habeas Corpus, onde tenta a sua liberdade, o ex- secretário da Casa Civiol Paulo Taques tem a capacidade de mentir ao Supremo Tribunal Federal, a fim de verificar se recebe alguma simpatia com a decisão em favor de sua liberdade.  Na página 7 do HC, no item 14, os advogados de Paulo Taques destacam o seguinte: " Pouco depois de sua exoneração, relato de Mauro Zaque, membro do Ministério Público Estadual, que foi secretário de segurança Pública do Mato Grosso em 2015 e CANDIDATO A PREFEITO DE CIDADE DO INTERIOR NO ANO SUBSEQUENTE, sugeriu que o paciente e o governador, seu primo, teriam sido negligentes quanto à denúncia que aquele fizera à respeito dos grampos ilegais, possivelmente porque teriam interesses escusos.

 

Comentário meu: É isso mesmo, Paulo Taques mentiu ao Supremo. O advogado fala em nome do cliente, portanto, os advogados de Paulo Taques falaram em nome dele e relataram histórias contadas por ele. Mauro Zaque nunca disputou eleição em Mato Grosso. Sua participação na política se restringiu ao cargo de Secretário de Segurança Pública. O HC de Paulo Taques foi distribuido ao ministro Roberto Barroso.


Fonte: Blog do Antero
Visite o website: http://blogdoantero.com.br/