Segunda-Feira, 12 de Fevereiro de 2018, 17h28
A forma da comunicação
Fávaro e a crítica sem rosto

DA REDAÇÃO

 

O vice-governador Carlos Fávaro (PSD) terá que explicar a forma da crítica feita ao seu próprio governo, se confirmar, primeiro, que fez mesmo a crítica aos procedimentos da Secretaria de Fazenda. Pegou muito mal a forma da comunicação escolhida.

 

1- Por que não colocou a cara? Por que não colocou a própria imagem, usou apenas a voz off? Pareceu falta de coragem.

 

2- Por que não fez as críticas diretamente ao governador Pedro Taques? Pareceu falta de autoridade.

 

Um vice-governador pode ter opiniões próprias e deve externá-las, isso só faz bem para a democracia e para o próprio governo.

 

Se crítica de aliado não fosse boa, o governador Pedro Taques (PSDB) não teria feito um agradecimento ao ex-prefeito Mauro Mendes pelas críticas públicas que ele fez à gestão estadual.

 

Críticas, aliás, colocando a cara e falando diretamente ao governador e não a um secretário de estado.

 

Com a palavra e a imagem, o vice-governador Fávaro.

 


Fonte: Blog do Antero
Visite o website: http://blogdoantero.com.br/